Cuide-se
É dada a largada Leia+


Corridas de rua se reinventam e viram febre estre os esportistas

Apesar de bastante divertidas, elas são duras e afirmamos: não são para qualquer um.
Isso porque colocam a resistência física de seus competidores em questão.
Estamos falando das corridas com obstáculos que, hoje, além das importantes avenidas e parques, estão respirando outros ares e proporcionando experiências que ficam guardadas na memória de seus participantes.
“É uma proposta diferente e desafiadora, na qual conseguimos superar os nossos limites e trabalhar em equipe”, explica o personal trainer Everton Barbosa, 30, morador de Cotia e participante da Bravus Race, uma das mais famosas corridas de obstáculos.
A equipe da Revista TUdo percorreu esses eventos e conheceu de perto o amor e a dor por corridas que parecem fora da realidade e são desafiadoras.


Dê um viva à insanidade
A Insane Inflatable 5k nasceu em guardanapos de um bar, por meio de um esboço que transformou um sonho em realidade. Foram muitas cervejas consumidas, mas os infláveis criados para esta corrida foram espetaculares. A extensão do trajeto é de aproximadamente cinco quilômetros, iniciando e terminando na Arena Insana, apesar de cada local oferecer um terreno diferente e uma experiência única de corrida. Na maior parte do percurso, ao invés de asfalto ou cimento, os participantes encontrarão grama. Algumas localidades têm mais grama que outros, mas a promessa dos organizadores é fazer com que a experiência de quem participa seja focada nos infláveis. De acordo com a temperatura, haverá um ou dois pontos onde será servida água para manter todos bem hidratados. O evento não é cronometrado, então é legal a galera se inscrever e aproveitar o percurso, mas se você não consegue segurar seu lado competitivo e acha que pode ser o mais rápido, dê o melhor de si!

- Para ser mais divertida, é incentivada a organização de equipes;
- Pode vestir fantasias;
- São cinco quilômetros, ou seja, 3.1 milhas;
- O evento não é cronometrado; a ideia é que se complete o percurso sendo mais habilidoso e não mais rápido;
- Você pode sugerir um local para o evento acontecer.

Agenda:
19/08 – Goiânia/GO
26/08 – Belo Horizonte/MG
10/09 – Ribeirão Preto/SP
17/09 – Sorocaba/SP

Acesse: www.corridainsana.com.br


Você tem limites?
Se já se passou pela sua cabeça participar da Bravus Race, certamente não.
Isso porque, a todo o momento, os seus participantes devem superar novas metas físicas e mentais para encará-la até o fim. É uma corrida de obstáculos que, se não completada, os atletas devem cumprir punições estipuladas pela organização.
Para quem curte correr, a nossa dica é: você não pode morrer sem participar da Bravus Race.
No entanto, ela possui obstáculos que farão você pensar duas vezes antes de ultrapassá-los.
A Bravus Reca foi criada pela Norte Marketing Esportivo.
- Possui três etapas: Speed (Intensidade), Monster (Resistência) e Arena (Técnica);
Speed = são 5 quilômetros e 15 obstáculos
Monster = são 10 quilômetros e 25 obstáculos
Arena = são 3 quilômetros e 10 obstáculos
- Cada etapa possui um nível de Força, Velocidade, Técnica, Resistência Física, Resistência Mental, Trabalho em Equipe e Nível de Lama;
- Já teve mais de 125 mil participantes;
- Acontece em três países: Brasil, Chile e Argentina. E em sete cidades: Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo, Buenos Aires e Santiago.

Agenda:
22/10 – Brasília/DF
03/12 – São Paulo/SP
17/12 – Rio de Janeiro/RJ


Acesse: www.bravusrace.ativo.com


Formando caveiras e caveirinhas
A Iron Race é uma corrida militarizada que dá vez para as crianças também. Mês passado aconteceu a versão kids da competição e arrancou suspiros do público diante de tanta fofura.
Crianças com idade igual ou superior a 4 anos percorrem de 600 metros a 2 quilômetros, distância dependente da faixa etária, e encaram obstáculos, dos quais certamente elas sairão sujas, mas muito contentes. Os atletas com até dez anos podem correr na companhia dos pais; já os jovens com idade entre 11 e 15 anos participam individualmente da prova.
- Possui as versões: Attack, Emdurance, Hell Night e Stadium;
- As corridas podem acontecer a noite, de dia ou dentro de estádios;
- Militares contam com preços diferenciados.

Agenda
27/08 – São Paulo (com distância de cinco, dez quilômetros)
19/10 - São Paulo (com distância de cinco quilômetros)
11/11 – São Paulo

Acesse: www.corridaironrace.com



Dicas infalíveis para você se dar bem na corrida de obstáculos
- Tem que ser ágil e tentar ser rápido, mas tenha em mente que este é um ritmo diferente da corrida de rua. Esqueça o relógio – preocupe-se apenas em chegar.

- Pratique treinos funcionais ou de circuito e crossfit que ajudam a trabalhar equilíbrio, força, impulsão, sustentação e agilidade.

- Estude o percurso e os obstáculos e veja se tem condições de enfrentá-los.

- A preparação inclui uma dieta equilibrada que garanta forças para os treinos e, especialmente, para o dia D.


A pior corrida de obstáculos do mundo
O Tough Mudder tem 55 etapas realizadas ao longo do ano, principalmente nos Estados Unidos, sempre em terrenos acidentados e minados de armadilhas. Os nomes e a aparência de alguns obstáculos, como o “Fire in your Hole” (escorregador que termina na lama), “Underwater Tunnels” (túneis submersos que devem ser cruzados se arrastando) e “Electroshock Therapy” (corrida entre fios elétricos) podem intimidar e até assustar.



Para muitos não basta fazer uma maratona ou desbravar uma montanha. É preciso enfrentar uma verdadeira operação de guerra



 
SEEEENTIDO! Treinamento Militar nas academias é moda entre ELAS

Perda de peso, flexões, muito suor, corpo definido. Quem quer?
É tudo isso que o Boot Camp proporciona. A técnica é uma releitura das aulas baseadas no treinamento militar. Essa proposta é um verdadeiro sucesso nos Estados Unidos, sendo muito
comum que as academias convidem ex-mariners (ex-soldados e ex-bombeiros) para ministrar as aulas, fazer a turma suar a camisa e trabalhar todo o corpo.
“Em uma hora, queima-se em torno de 1.000 calorias; aprende-se todos os golpes sem contato físico; para a gente, que as vezes precisa perder nove, dez quilos de forma rápida, é o melhor caminho”, explica o rei do octógono Minotauro que, junto com o irmão Minotouro, desenvolveu a técnica e implantou na rede de academia que possui.

Treinando Boot Camp é possível explorar para valer a musculatura, optando por uma série de exercícios mais dinâmica e divertida, sem as incansáveis repetições da musculação. O treino trabalha o peitoral, desenvolve os membros inferiores, define os glúteos e firma o abdômen.

Os exercícios são marcados por tempo. A permanência em cada estação é de um minuto e meio, em média. O professor emite um sinal, palmas ou assovio, e as alunas mudam prontamente de exercício. Ao próximo sinal, mudam de novo. Quando vem o sinal duplo, atenção: é hora de migrar de estação e desafiar outras partes do corpo.

Mas não vá achando que é preciso rastejar na lama ou subir em cordas: a inspiração no treinamento militar se limita à motivação, ao foco nos exercícios de força e no desenvolvimento de capacidades físicas como velocidade, eficiência cardiovascular, coordenação motora, flexibilidade e resistência. Se, no Brasil, o Boot Camp, também conhecido como fitness militar, ainda é pouco disseminado, no Hemisfério Norte já ganhou as academias e o coração das famosas que querem emagrecer e adquirir massa muscular em pouco tempo. Kim e Kourtney Kardashian, Amanda Seyfried, Jessica Alba e Ellie Goulding são algumas das beldades que aderiram à versão indoor do exercício no popular Barry’s Boot Camp.

Apesar do alto grau de intensidade dos exercícios, o Boot Camp é uma atividade bastante democrática, não apresentando restrições específicas de acordo com tipo físico ou idade. As limitações são como em qualquer outra atividade física: cardíacas, metabólica e articular, gestantes, crianças e até pessoas com lesões ou problemas de coluna, por exemplo, podem integrar os "campos de treinamento de recrutas", desde que sob acompanhamento médico e respeitando as condições do próprio corpo. Isso porque, mesmo sendo uma atividade coletiva, em sua origem, o Boot Camp proporciona programas de treinamento adaptados às necessidades de cada indivíduo, que pode ser classificado de acordo com os níveis iniciante, intermediário e avançado.

Se no exército, propriamente dito, é a figura masculina que predomina, nessa adaptação das rotinas militares são as mulheres que tomam a frente, a ponto de ter sido criado um estilo de Boot Camp exclusivo para elas. O Ladies Camp, tem como diferencial a presença de movimentos das artes marciais, mas sem o contato físico com adversários - o que minimiza o risco de lesões - e trabalha com o formato de circuitos em que cada etapa tem em média dois minutos.

Quais são os benefícios de um treino Boot Camp?

  • Treinos variados e desafiantes

  • As aulas possibilitam o ganho de força e definição muscular

  • Não requer muito espaço nem equipamento específico

  • A melhora no aproveitamento do oxigênio, que circula por todo o corpo durante a prática, favorecendo o condicionamento físico

  • Em cada aula, com duração de uma hora, dá para gastar até 600 calorias.

  • Fortalece o seu suporte motivacional

  • Melhoria das capacidades físicas (força, resistência, velocidade)



Onde fazer:

Team Nogueira Granja Viana

Tels.: (11) 4559- 1288 / (11) 4559-1289

Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Avenida são Camilo, 469 - Granja Viana - Cotia/SP



Be The Best

Tel.: (11) 94498-7099

Rodovia Raposo Tavares, 27100 - Granja Viana, Cotia – SP



Academia Ct Fight

Telefone: (11) 4063-2910 - ramal 279914

Avenida São Camilo, 899 - Granja Viana, Cotia, São Paulo

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 1 de 23

Indique !